PUBLICAÇÕES

Início/PUBLICAÇÕES
PUBLICAÇÕES2020-12-14T10:42:57+00:00

Política de publicação CEDH2020

A Conferência Euroamericana para o Desenvolvimento dos Direitos Humanos: Agenda 2030 – Um Novo Capítulo para a Evolução dos Direitos Humanos (CEDH2020) permitiu, não só, uma reflexão integrada sobre a Agenda 2030, facilitando a articulação da investigação e de debate académico sobre os 17 objetivos para o desenvolvimento sustentável (ODSs), como também, possibilitou o networking entre académicos e especialistas nestas áreas, promovendo o desenvolvimento e agregação de redes de investigação internacionais e multidisciplinares.

Em parceria com a editora JUS.XXI o evento propõe-se publicar primordialmente em versão online potenciando que todos trabalhos publicados sejam encontrados rapidamente, aumentando, assim, a divulgação do conhecimento científico, mas também numa perspetiva de sustentabilidade ambiental.

Todas as publicações do evento têm a validade científica que lhe é conferida pelo rigoroso sistema de revisão por pares cegos (double blind peer review) de todos os trabalhos, pela aposição de ISBN (International Standard Book Number) da publicação com registo oficial e indexação da publicação no sistema DOI (Digital Object Identifier) que regista qualquer tipo de arquivo digital, que, uma vez catalogado, passa a ter um link permanente do documento digital publicado acessível rápida e amplamente e é também o elemento indispensável para a agregação do conteúdo científico (por e-book e por cada capítulo) em repositórios e principais sistemas de indexação como a SCOPUS, Web of Sciense, DOAJ, EBSCO, Qualis, etc.

Com a afirmação do meio digital e o surgimento do movimento internacional pelo acesso aberto da produção científica, existe uma aposta forte e crescente na implementação universal à produção académica de novos requisitos de edição digital e de boas práticas na edição científica que não passou ao lado da CEDH2020.

A agregação das publicações nos sistemas de indexação é uma prioridade da CEDH2020 pelo que todos os esforços serão enveredados para que suceda, não obstante os morosos e até complexos processos de agregação de conteúdos científicos em alguns destes sistemas pelo que a organização não poderá garantir determinado prazo para que tal suceda, podendo esta agregação do conteúdo científico ocorrer a qualquer momento.

A principal missão do evento é disseminar o conhecimento e incentivar a produção científica multinível facilitando a partilha de sinergias entre academia e sociedade civil em diálogos compartilhadas presencial e virtualmente.

Os conteúdos de publicação facilitados no âmbito da CEDH2020 fundam-se, sobretudo, 3 modelos: (1) Atas/anais/proceedings, (2) monografias temáticas e (3) “fast track” em parceria com revistas e journals avalizados nas áreas do evento sob a forma de organização de número temático, número especial ou dossier ou ainda de acesso ao fluxo continuo da revista e/ou journal em condições mais vantajosas. A decisão sobre a/a opção ou opções de modelos de publicação no âmbito da CEDH2020 é da responsabilidade dos/as Participantes.

Todos os modelos de publicação no âmbito da CEDH2020 pressupõem um rigoroso processo de revisão por pares cegos. Esta avaliação pode ter um âmbito apenas interno entre a Comissão Científica do evento e/ou eterno o que sucede sobretudo no modelo de “fast track” cuja responsabilidade pela avaliação dos conteúdos é da revista e/ou journal escolhido/a pelo/a Participante.

O modelo de “fast track” é em si um modelo dinâmico e em desenvolvimento, sendo que a lista de revistas e journals associados ao evento vai sendo gerada e disponibilizada aos/às Participantes à medida que as parcerias se vão estabelecendo. A CEDH2020 reúne revistas e coleções de referência nacional e internacional em áreas específicas do conhecimento e privilegiando, a maioria, a língua portuguesa.

O princípio da CEDH2020 é que não subsistam quaisquer taxas associadas à fase de publicação ou custos de processamento de publicação (Article Processing Charges) ou sequer de subscrição. Procura-se que exista apenas 1 única taxa de inscrição a liquidar pelos/as Participantes no âmbito da sua participação no evento que inclua também a fase de publicação. Porém, sempre que se verifique a existência de taxas a liquidar associadas aos custos específicos da fase de publicação esta informação estará disponível de forma inequívoca. De outro modo, a inexistência de informação explicita sobre taxa de pagamento associada à fase de inscrição deve ser interpretada como gratuita ou incluída na taxa de inscrição no evento.

Neste sentido, a CEDH2020 propõe-se publicar em parceria com a editora JUS.XXI, todos os resumos dos trabalhos aprovados em todas as modalidades de participação e efetivamente defendidos ao longo dos dias do evento numa publicação em formato e-book, na modalidade de produção científica de “atas” ou “anais” ou ainda na nomenclatura correlativa em língua inglesa “proceedings” com ISBN português e europeu e indexação no sistema DOI.

Esta publicação está aberta apenas a resumos de trabalhos aprovados e regularmente inscritos na CEDH2020, não obstante a organização poder vir a convidar personalidades nas áreas do evento a participar da publicação contribuindo deste modo o maior prestígio e qualidade científica deste output do evento.

Esta publicação compila igualmente os nomes de todas as pessoas que contribuíram para a produção ao nível da autoria, palestrantes, comissão científica, entre outras. A afirmação do português como língua de publicação assume importância estratégica a CEDH2020, porém, para lá da língua portuguesa, outros idiomas oficiais de publicação são o castelhano e o inglês.

A publicação deste e-book deverá ocorrer logo após, nas semanas seguintes, à realização do evento e será de disseminação ampla, gratuita e em acesso aberto. A CEDH2020 compreende que é por meio deste tipo de publicação que os assuntos discutidos no evento podem ser compartilhados rápida e amplamente na comunidade científica, mas também com a sociedade em geral.

Para a CEDH2020 a publicação dos trabalhos completos é uma prioridade e nesse sentido o evento organizará uma coletânea temática individual a cada Objetivo para o Desenvolvimento Sustentável (ODS) com chamada própria para submissão de capítulos de livro. Todas as submissões de capítulos são avaliadas num rigoroso processo de revisão por pares cegos (double blind peer review) de todos os trabalhos.  Cada monografia temática terá um ISBN (International Standard Book Number) individual e sob cada e-book temático e sob cada capítulo será disponibilizado o indexador individual no sistema DOI (Digital Object Identifier).

A estrutura de organização de todas publicações facilitadas no âmbito da CEDH2020 é composta pela Comissão Científica, Coordenação/Organização Executiva e pela Edição. Qualquer pessoa que componha a autoria em trabalhos publicados no âmbito da CEDH2020 fica desde já autorizada a depositar os seus artigos, capítulos ou mesmo o próprio livro de resumos/atas/anais/ proceedings em repositórios institucionais.

A comercialização de qualquer produto científico fica desde já limitada a autorização da Organização da CEDH2020. A fim de esclarecer e proteger os direitos de propriedade intelectual, são atribuídas Licenças Creative Commons às publicações no âmbito da CEDH2020 pelo que a utilização de material de terceiros só é autorizada com o respetivo consentimento legal, que deve ser obtido pelos autores responsáveis pela submissão dos trabalhos.

Para cada publicação facilitada é disponibilizado um edital próprio com as regras e normas para submissão e publicação dos conteúdos científicos, contacto para informações, eventuais limitações e prazos. A prática de plágio é eticamente reprovada e controlada através de um sistema reconhecido de verificação da originalidade de textos. As submissões no âmbito da CEDH2020 estão por definição abertas à comunidade científica internacional.

Eixos Temáticos

Aceita trabalhos sobre estudo/s de caso, revisão de literatura, empíricos, metodológicos qualitativos ou quantitativos, sobre modelos, processos e/ou instituições que indicam sobre a erradicação da pobreza e da fome, a igualde de género e a promoção igualdade de da inclusão, a saúde e a educação em e quanto direitos fundamentais, a promoção da dignidade da pessoa humana.

Aceita trabalhos sobre estudo/s de caso, revisão de literatura, empíricos, metodológicos qualitativos ou quantitativos, sobre modelos, processos e/ou instituições que indicam sobre o consumo e produção sustentáveis, o combate à mudança climática e à gestão dos recursos naturais.

Aceita trabalhos sobre estudo/s de caso, revisão de literatura, empíricos, metodológicos qualitativos ou quantitativos, sobre modelos, processos e/ou instituições que indicam sobre o trabalho e a indústria enquanto motores do progresso económico e social.

Aceita trabalhos sobre estudo/s de caso, revisão de literatura, empíricos, metodológicos qualitativos ou quantitativos, sobre modelos, processos e/ou instituições que indicam sobre a integração transversal, interconexão e mobilização conjunta em prol dos grupos mais vulneráveis.

Aceita trabalhos sobre estudo/s de caso, revisão de literatura, empíricos, metodológicos qualitativos ou quantitativos, sobre modelos, processos e/ou instituições que indicam sobre promoção de sociedades pacíficas, justas e inclusivas, livres do medo e da violência